amacau arquitetura interiores

amacau arquitetura · interiores projeto de arquitetura

Moradias na Foz-Velha, Porto

Ana Couto Lopes, arquiteta
Diogo Pimenta, arquiteto
2011-2012

A proposta pretende manter e adaptar o edifício principal existente e construir um novo volume de maneira a criar uma frente urbana voltada à Travessa da Cerca e revalorizar o conjunto, para o projeto de 3 habitações unifamiliares em cada núcleo, com respetivos acessos.
sendo a Foz Velha um conjunto arquitetónico com características muito próprias, localizado entre o rio e o mar, um núcleo urbano em vias de classificação, existe a preocupação em manter a traça histórica do local, requalificar e valorizar o existente.
O terreno em questão tem uma forma irregular e duas frentes, com orientação norte-sul. Entre os dois arruamentos, o terreno vai acompanhando o ligeiro declive natural existente na zona, em pequenos socalcos bem demarcados que o subdivide visualmente em três planos distintos visiveis. A intenção é recuperar o edifício principal existente, manter a cércea com a preocupação de elevar o piso térreo para criar privacidade, mantendo sempre a métrica de vãos na fachada e materiais típicos da época, adaptando a sua forma ao novo uso pretendido. O novo edifício irá ocupar toda a extensão da fachada norte, com um afastamento da respetiva frente urbana, definindo o alinhamento e a relação com o espaço público.
A proposta inspira-se nas características predominantes, revalorizando a traça da zona e recriando uma volumetria típica de cobertura de quatro águas em proporçao face à restante edificação proposta.

img 1 img 2 img 3
img 4 img 5 img 6 img 7